4/27/2016

Resenha: Como é Grande o Meu Amor por Você

Hey Hey povaum!
Hoje nos teremos resenha! Do maravilhoso livro: Como é grande o meu amor por você do autor: E.Chérri Filho
                                                                       
                                                                            Um pouco mais sobre o autor:
Chérri Filho nascido em São Paulo, Brasil. Jornalista, roteirista e escritor. Morou em na Itália e Washington DC- USA.

Sete obras publicadas, entre elas: ”Mamonas Assassinas”, “Lágrimas dos anjos”, “As Bruxas do Rio Avalon”, “Um novo olhar”...
Trabalha em televisão no Brasil. Pratica artes marciais Jiu Jitsu e Muay Thai. (mais informações no Skoob do autor)








                                                                                          




                                                                                               Sinopse:

O outono em New York se apresentou diferente naquele ano. A natureza com suas lindas folhas em tons avermelhados criou um cenário perfeito para os apaixonados. Foi neste cenário que o destino reescreveu a história de Adam Gregório, apresentando-lhe Hani Hamrita. Seu olhar o resgatou de uma vida cotidiana, sem grandes acontecimentos. Não poderia imaginar que aquele encontro modificaria para sempre o rumo de sua existência. Um amor avassalador, capaz de transpor montanhas. Este livro não é apenas um romance. São páginas que relatam a história verdadeira de um americano que renunciou a tudo, ultrapassando as barreiras do limite, por amor a uma linda afeganistã. Essa obra é um convite à reflexão- Você já se permitiu tocar o amor? Passamos a vida esperando que o amor nos toque, nos transforme, mas se o amor estiver à espera do seu toque? É no olhar para além de si que pode estar a resposta que tanto procura. Adam Gregório ousou tocar o amor e viu sua vida transformada pela força deste toque. Uma história emocionante, com um final surpreendente!






O que eu achei:

Meu Deus!! Que obra incrível! Amei cada parte dessa intensa e maravilhosa viagem literária! Após o termino da leitura me segurei ao Maximo para não chorar (pois me encontrava dentro de um ônibus).
Depressão literária? Talvez esse não seja o termo certo, acho que uma “dependência literária” se encaixaria muito bem no contexto dessa obra, acabei me pondo em uma posição de dependência, dependência de mais historia, não me saciei apenas com aquela linda historia presente no livro, estava à procura de mais! Não me contentei com aquele lindo e triste final!
Esse foi um dos poucos livros que conseguiu me arrancar lágrimas, e um grande vazio se formou após a ultima palavra digitada na exata pagina 303! O que será que houve de verdade? Fica a critério seu imaginar o final ou a veracidade dessa historia.
Não tem palavras para descrever uma historia tão triste e perfeita!

                                                                                   

                                                                                       Resenha:

Essa historia se passa no passado (na época da juventude de Adam) e no presente quase futuro (pois mostra como Adam estava atualmente).
Esse livro traz a historia de Adam um senhor de idade que acaba confidenciando suas historias a Chérri.
Essa historia traz consigo 3 personagens principais: Adam Gregory , Mary Anne e Hani Hamrita.
Adam era um pintor que por sua beleza conquistava muitas clientes! Porem só tinha olhos para Mary Anne (sua noiva), uma jovem um tanto ciumenta!
Adam e Mary se conheceram desde pequenos após um acidente aéreo matar os pais de Adam que foi viver com Melinda (sua tia, que também cuidava de Mary após os pais dela morrerem). Com a perda da família muito cedo Adam e Mary se ajudaram e fortaleceram-se, cresceram e se apaixonaram!
Após um dia cansativo de trabalho Adam corre para se arrumar, pois logo iria para a festa de aniversario de sua tia! Após se arrumar (como sua noiva havia recomendado) Adam corre direto para casa de Mary Anne (ou Marya como ele a chamava) após pegar ela, vão em direção à festa de sua tia.
Assim que cumprimentou sua tia Adam entrou e se deparou com uma afegã que desde o primeiro olhar. Adam se apaixonou por Hani e visse versa!
Do outro lado da sala Amita (irmã mais nova de Hani) percebe o clima entre os dois e começar a perturbar sua Irmã... Após uma conversa em família se nota que Ishan (o irmão mais velho de Hani e Amita) havia desaparecido... A conversa logo foi cortada pela anfitriam da festa pedindo para todos se reunirem para amostrar o presente que havia ganhado de seu filho Adam. Após apresentar a obra todos foram parabenizar Adam porem Marya chegou para beijar Adam e Hani vendo isso se sentiu muito mal por desejar um homem que já era comprometido! Adam por sua vez desviou do beijo de Mary e se sentiu envergonhado por Hani que já havia pedido a sua mãe para ir embora. Adam ainda procurava a moça que mexeu profundamente com ele na festa. Hani não conseguia tirar Adam da cabeça e se sentia mal por estar pensando em um homem comprometido. Adam ainda a procura de Hani sai e percebe que ela não esta mais na festa e se sente vazio, em meio a chuva Adam tenta adivinhar para onde aquela jovem que lhe tirou os sentidos deveria ter ido, foi tirado de transe após Mary o gritar para sair da chuva e ele atende o pedido da noiva desligando-se dos pensamentos por Hani e se sentindo sem graça por pensar em outra jovem além de sua noiva.
Hani ainda com pensamentos em Adam chega em sua casa e se sente tão mal que acaba chorando com sua consciência pesada por desejar um homem casado.
Ishan estava em uma reunião de um grupo religioso em uma mesquita junto com seu amigo Armed.alguns dias depois do sumiço de Isham a família de kalisha (pai de Ishan, Amita e Hani) já estava atônita e as noticias dos atentados estava deixando os nervos a flor da pele.
A família de Kalisha recebeu a visita de dois homens de preto e Amisha (mãe de Ishan, Amita e Hani) já tinha uma pequena noção do que já poderia te acontecido. Após divulgarem o motivo da ida deles a casa de kalisha (que era sobre o envolvimento de Ishan nos atentados ocorridos contra os estados unidos) os homens tiveram que lhe comunicar sobre o interrogatório da família. No dia seguinte todos já sabiam e acusavam  a família de serem terroristas também.
Adam recebe um telefonema da tia que conta tudo desde as noticias do atentado até as acusações de americanos contra a família de Kalisha. Adam sabendo da inocência da família vai ate a casa deles com o intuito de ajudar a família.
Alguns dias se passaram desde que Adam e a família haviam combinado de que iriam passar um tempo na casa da montanha de Melinda só que por um erro, alguns policiais prenderam a família de Kalisha e Adam junto por associar ele ao terrorismo afegão. Após muitas negociações Adam foi solto por falta de provas e levado diretamente para casa. Após algum tempo o advogado chega com a noticia da família de Hani e Adam não nega sua curiosidade o que leva Mary a brigar com ele e fugir de casa, fazendo Adam ir atrás dela. Após uns minutos correndo Adam é surpreendido por um grupo de americanos que o ofende e bate nele por ter ajudado a família de Hani... depois de um certo tempo apanhando alguém tira os homens de cima de Adam.. era Mary . Adam desmaia minutos depois e só acorda mo hospital, onde ficou atônito ao saber que Hani estava livre, abrigada na casa de um rabino e que poderia ver ela. Uns dias depois Adam acorda e foge do hospital para encontrar Hani. Chegando a casa do rabino deu de cara com Amita e logo depois com Hani que ao saber que ele havia fugido do hospital se ofereceu para levar ele de volta.
A caminho do hospital Hani leva Adam para um lugar especial para ele. E Adam a confidencia coisas intimas... Passaram a tarde toda conversando até que começou a chover e resolveram voktar para a rota principal a caminho do hospital. Chegando La Mary Anne briga com Adam e desfaz de Hani a qual senti que participou de uma traição. Mais tarde o pai de Hani e Amita chega com a noticia que acabou de vez com a estrutura familiar.
Muitas coisas aconteceram para que essa trama de Adam, Hani e Mary Anne tivesse um lindo e triste final, mas acho que cabe a vocês procurarem mais dessa historia tão marcante! Já me prolonguei demais nessa resenha (que era para ser pequena, porem essa obra é tão complexa que não deu para segurar). Isso não é nem a metade do livro, mas como puderam perceber esse livro merece contar a historia por si só. Se eu contar não terá a mesma magia que tive quando li! Então gente... Para saber onde encontrar esse livro e sobre o autor clique nos links abaixo:

Muito obrigada Chérri por partilhar dessa linda historia de Adam conosco! O planeta inteiro deveria ver essa historia tão épica e impressionante! Resta saber se realmente aconteceu ou não!
boa noite a todos
beijos e até a próxima!